• Categorias

  • "Transbordando sentimentos puros em palavras"

    Categoria: Poesia

    HonoratoPoesia

    Indecisões

    agosto 24, 2020 • Honorato, Sandro

    Olá,
    Como vão?
    Hoje vou postar uma poesia que fala sobre as dúvidas e medos que temos ao entrar em um novo relacionamento.
    Espero que curtam 🙂
    Abraços e tenham uma excelente semana

    INDECISÕES
    Não pensou em nós ou quer esquecer?
    Não sabe mais ou finge não saber?
    Não sorriu ou queria desabar em lágrimas?
    Não disse ou lhe faltou as palavras?

    Não começou ou nunca tentou?
    Não caiu ou ainda não se levantou?
    Não agiu por impulso ou pensou demais?
    Não mudaria nada ou deixaria tudo para trás?

    Não vamos tentar ou vai ficar nesta enrolação?
    Não quer arriscar tudo ou vai viver esta ilusão?
    Não quis ficar ou queria estar sempre sozinha?
    Não se apaixonou ou em nada disso acredita?

    Não me beijou ou não desejava de verdade meus lábios?
    Não se entregou ou ainda tem marcas do passado?
    Não me olha nos olhos ou prefere segredo?
    Não me ama ou você tem medo?

    AUTOR: HONORATO,Sandro.

    Veja também esses posts relacionados:

    HonoratoPoesia

    Indecisões

    agosto 24, 2020 • Honorato, Sandro

    Olá,
    Como vão?
    Hoje vou postar uma poesia que fala sobre as dúvidas e medos que temos ao entrar em um novo relacionamento.
    Espero que curtam 🙂
    Abraços e tenham uma excelente semana

    INDECISÕES
    Não pensou em nós ou quer esquecer?
    Não sabe mais ou finge não saber?
    Não sorriu ou queria desabar em lágrimas?
    Não disse ou lhe faltou as palavras?

    Não começou ou nunca tentou?
    Não caiu ou ainda não se levantou?
    Não agiu por impulso ou pensou demais?
    Não mudaria nada ou deixaria tudo para trás?

    Não vamos tentar ou vai ficar nesta enrolação?
    Não quer arriscar tudo ou vai viver esta ilusão?
    Não quis ficar ou queria estar sempre sozinha?
    Não se apaixonou ou em nada disso acredita?

    Não me beijou ou não desejava de verdade meus lábios?
    Não se entregou ou ainda tem marcas do passado?
    Não me olha nos olhos ou prefere segredo?
    Não me ama ou você tem medo?

    AUTOR: HONORATO,Sandro.

    Veja também esses posts relacionados:

    HonoratoPoesia

    Viva o agora

    agosto 17, 2020 • Honorato, Sandro

    Olá,
    Como vão?
    Hoje vou postar um poema que fiz para um concurso literário neste ano.
    Serve também como dica para todos nós 🙂
    Abraços

    Viva o agora

    Não espere pela queda
    Para aprender a ficar de pé
    Não espero pelo momento ruim
    Para praticar a sua fé

    Não espere o sol nascer
    Para você brilhar
    Não espere o pedido de desculpas
    Para aprender a perdoar

    Não espere o dia ser perfeito
    Para abrir seu lindo sorriso
    Não espere a despedida
    Para dizer o que está guardado contigo

    Não espere pelo universo
    Para fazer seu mundo lindo
    Não espere sentir só
    Para valorizar seus amigos

    Não espere pelas palavras certas
    Para escrever sua poesia
    Não espere pelo amor em outros
    Para amar a sua própria vida.

    AUTOR: HONORATO,Sandro.

    Veja também esses posts relacionados:

    HonoratoPoesia

    Contrastes

    julho 24, 2020 • Honorato, Sandro

    Olá,
    Como vão?
    O texto de hoje é mais ou menos aquilo de “os opostos se atraem”, sabem?
    Espero que curtam 🙂
    Abraços

    CONTRASTES
    Eu, ouço rap e rock
    Ela, seu MPB não descarta
    Eu, faço o tipo caseiro
    Ela, noites de festa, bebida e baladas

    Eu, cabelo crespo e encaracolado
    Ela, cabelos negros e lisos
    Eu, sonho em viajar pelo mundo
    Ela, quer casa e ter filhos

    Eu, olhos escuros como a escuridão
    Ela, um olhar claro como a luz do dia
    Eu, risadas altas ao vento
    Ela, esbanja mais simpatia ainda

    Eu, metido a poeta
    Ela, é pura poesia
    Eu, sou um mero Valente
    Ela, a maior das Rainhas

    Eu, a amava como nunca amei
    Ela, me via como um amigo
    Eu, agora não sei o que fazer com este Amor
    Enquanto Ela, fará de outros braços seu abrigo.

    AUTOR: HONORATO, Sandro.

    Veja também esses posts relacionados:

    HonoratoPoesia

    Geração Wi-Fi

    julho 17, 2020 • Honorato, Sandro

    Olá,
    Como vão?
    Este é um texto que fiz em 2016 para a uma apresentação na faculdade e representa muito de nossa sociedade atual.
    Espero que gostem 🙂
    Abraços

    GERAÇÃO WI-FI

    Salve as memórias no Google Drive
    Curta nas fotos do Instagram
    Compartilhe seus momentos no Facebook
    Converse via whatsapp
    Aprenda pelo youtube
    Encontre alguém legal pelo Tinder
    Faça companhia pelo Skype
    Ache o caminho pelo Waze
    Ouça sua música no Spotify
    Elimine a negatividade pelo Avast
    Escreva um diário pelo Blogger
    Caça seus monstrinhos com Pokemon Go
    Reclame da vida em 140 caracteres pelo Twitter
    Publique seu dia-a-dia no Snapchat
    Venda suas coisas inúteis na OLX
    Leia teus livros pelo Kindle
    Mostre seu currículo pelo Linkedin
    Faça Check-in em muitos lugares
    Mude seu status de relacionamento
    Viva em um mundo virtual
    Não esquecendo que existe vida fora da internet.

    AUTOR: HONORATO, Sandro.

    Veja também esses posts relacionados:

    HonoratoPoesia

    Sem volta

    julho 10, 2020 • Honorato, Sandro

    Olá,
    Como vão?
    Hoje vai aqui mais uma poesia sobre a nossa insistência em lutar por pessoas e sentimentos nada recíprocos .
    Abraços e tenham uma excelente semana

    Sem volta

    O sol já está se pondo
    E você procurando alguma luz
    O livro terminou
    E você ainda lê aquelas velhas páginas

    A felicidade lhe sorrindo hoje
    E você lembra a tristeza de ontem
    A vida chegando ao seu fim
    E você tentando entender os meios

    As lágrimas já escorreram
    E você ainda se lamentando
    A piada foi contada
    E você procurando a graça

    O café esfriou
    E você nada saboreou
    O poeta anda sem inspiração
    E você declarando suas poesias

    O teclado quebrado
    E você ainda batendo na velha tecla
    O coração foi quebrado
    E você procurando os cacos para colar.

    AUTOR: HONORATO, Sandro.

    Veja também esses posts relacionados:

    1 2 3 4 5 57
    instagram
    Translate »