• Categorias

  • "Transbordando sentimentos puros em palavras"

    Posts arquivados em: Mês: julho 2018

    HonoratoMúsica

    One More Light.

    julho 20, 2018 • Honorato, Sandro

    Olá,
    Como vão?
    Hoje, infelizmente faz um ano que o voz do Linkin Park se foi.
    Um ano sem Chester Bennington.

    Aqui vai nossa singela homenagem.

    Linkin Park – One More Light (Mais uma luz)

    Should’ve stayed, were there signs I ignored?
    Eu deveria ter ficado, houve algum sinal que ignorei?
    Can I help you not to hurt anymore?
    Posso te ajudar a não se machucar mais?
    We saw brilliance when the world was asleep
    Nós vimos brilho quando o mundo estava adormecido
    There are things that we can have, but can’t keep
    Existem coisas que podemos ter, mas não podemos manter

    If they say
    Se eles perguntam
    Who cares if one more light goes out?
    Quem se importa se mais uma luz se apagar?
    In the sky of a million stars
    Em um céu de um milhão de estrelas
    It flickers, flickers
    Ela cintila, cintila
    Who cares when someone’s time runs out?
    Quem se importa quando o tempo de alguém se acaba?
    If a moment is all we are
    Se um momento é tudo que somos
    Or quicker, quicker
    Ou menos, menos que isso
    Who cares if one more light goes out?
    Quem se importa se mais uma luz se apagar?
    Well, I do
    Bem, eu me importo

    The reminders pull the floor from your feet
    Os lembretes tiram o chão de seus pés
    In the kitchen, one more chair than you need, oh
    Na cozinha, uma cadeira a mais do que o necessário, oh
    And you’re angry, and you should be, it’s not fair
    E você está com raiva, e tem direito, isso não é justo
    Just ’cause you can’t see it doesn’t mean it isn’t there
    Só porque você não pode ver, não significa que não está lá

    If they say
    Se eles perguntam
    Who cares if one more light goes out?
    Quem se importa se mais uma luz se apagar?
    In the sky of a million stars
    Em um céu de um milhão de estrelas
    It flickers, flickers
    Ela cintila, cintila
    Who cares when someone’s time runs out?
    Quem se importa quando o tempo de alguém se acaba?
    If a moment is all we are
    Se um momento é tudo que somos
    Or quicker, quicker
    Ou menos, menos que isso
    Who cares if one more light goes out?
    Quem se importa se mais uma luz se apagar?
    Well, I do
    Bem, eu me importo

    Who cares if one more light goes out?
    Quem se importa se mais uma luz se apagar?
    In the sky of a million stars
    Em um céu de um milhão de estrelas
    It flickers, flickers
    Ela cintila, cintila
    Who cares when someone’s time runs out?
    Quem se importa quando o tempo de alguém se acaba?
    If a moment is all we are
    Se um momento é tudo que somos
    Or quicker, quicker
    Ou menos, menos que isso
    Who cares if one more light goes out?
    Quem se importa se mais uma luz se apagar?
    Well, I do.
    Bem, eu me importo.

    Veja também esses posts relacionados:

    HonoratoMúsica

    One More Light.

    julho 20, 2018 • Honorato, Sandro

    Olá,
    Como vão?
    Hoje, infelizmente faz um ano que o voz do Linkin Park se foi.
    Um ano sem Chester Bennington.

    Aqui vai nossa singela homenagem.

    Linkin Park – One More Light (Mais uma luz)

    Should’ve stayed, were there signs I ignored?
    Eu deveria ter ficado, houve algum sinal que ignorei?
    Can I help you not to hurt anymore?
    Posso te ajudar a não se machucar mais?
    We saw brilliance when the world was asleep
    Nós vimos brilho quando o mundo estava adormecido
    There are things that we can have, but can’t keep
    Existem coisas que podemos ter, mas não podemos manter

    If they say
    Se eles perguntam
    Who cares if one more light goes out?
    Quem se importa se mais uma luz se apagar?
    In the sky of a million stars
    Em um céu de um milhão de estrelas
    It flickers, flickers
    Ela cintila, cintila
    Who cares when someone’s time runs out?
    Quem se importa quando o tempo de alguém se acaba?
    If a moment is all we are
    Se um momento é tudo que somos
    Or quicker, quicker
    Ou menos, menos que isso
    Who cares if one more light goes out?
    Quem se importa se mais uma luz se apagar?
    Well, I do
    Bem, eu me importo

    The reminders pull the floor from your feet
    Os lembretes tiram o chão de seus pés
    In the kitchen, one more chair than you need, oh
    Na cozinha, uma cadeira a mais do que o necessário, oh
    And you’re angry, and you should be, it’s not fair
    E você está com raiva, e tem direito, isso não é justo
    Just ’cause you can’t see it doesn’t mean it isn’t there
    Só porque você não pode ver, não significa que não está lá

    If they say
    Se eles perguntam
    Who cares if one more light goes out?
    Quem se importa se mais uma luz se apagar?
    In the sky of a million stars
    Em um céu de um milhão de estrelas
    It flickers, flickers
    Ela cintila, cintila
    Who cares when someone’s time runs out?
    Quem se importa quando o tempo de alguém se acaba?
    If a moment is all we are
    Se um momento é tudo que somos
    Or quicker, quicker
    Ou menos, menos que isso
    Who cares if one more light goes out?
    Quem se importa se mais uma luz se apagar?
    Well, I do
    Bem, eu me importo

    Who cares if one more light goes out?
    Quem se importa se mais uma luz se apagar?
    In the sky of a million stars
    Em um céu de um milhão de estrelas
    It flickers, flickers
    Ela cintila, cintila
    Who cares when someone’s time runs out?
    Quem se importa quando o tempo de alguém se acaba?
    If a moment is all we are
    Se um momento é tudo que somos
    Or quicker, quicker
    Ou menos, menos que isso
    Who cares if one more light goes out?
    Quem se importa se mais uma luz se apagar?
    Well, I do.
    Bem, eu me importo.

    Veja também esses posts relacionados:

    HonoratoPoesia

    Circo

    julho 14, 2018 • Honorato, Sandro

    CIRCO

    Sabe amor,
    Você foi capaz de me domar
    Eu seguia todos os seus pedidos e assim acabei me perdendo

    Sabe amor,
    Poetas são como ilusionistas
    Se escondem atrás da magica, mas seus segredos são de fácil acesso

    Sabe amor,
    Está difícil manter este sentimento cigano
    Você me ama? Você o ama? Você alguma vez já amou?

    Sabe amor,
    É difícil ser malabarista
    Estou no topo mas na arquibancada da vida você me espera cair

    Sabe amor,
    É hora de fecharmos o circo
    Porque até por aqui brincar com sentimentos não tem graça

    Sabe amor,
    Outro a tem em seus braços
    Sei que não sou o amor da sua vida, mas você foi o meu.

    AUTOR: HONORATO, Sandro.

     

    Veja também esses posts relacionados:

    HonoratoPoesia

    Boatos

    julho 07, 2018 • Honorato, Sandro

    Olá 🙂
    Como vão?
    Este é um daqueles poemas que fala sobre as chances que deixamos passar em nossas vidas…
    Abraços e cuidem-se

    BOATOS

    Soube que vai se mudar
    Para milhares de Km`s daqui
    Aonde minhas palavras não chegarão
    Onde não verei mais teu jardim

    Soube que não levou muita coisa
    Não poderia levar tudo na mala
    Este coração enorme não caberia
    Ele está abandonado sem tua alma

    Soube que não deve voltar
    Seus planos são olhar só para o futuro
    Não sabe o quanto me ilude
    Sobreviver sem ti no meu pequeno mundo

    Soube que estas feliz
    Mas felicidade pode ser passageira
    E eu que a diga
    Vivia sorrindo de orelha a orelha

    Soube que conheceu outro alguém
    Para quantos mais vai se entregar?
    A vida foi dura demais comigo
    Nunca mais teus lábios irei provar

    Soube que com ele vai se casar
    Quem sabes não terás filhos?
    Certamente será a melhor mãe do mundo
    Pois a mais bela já é

    Soube que ele escreve para ti
    Poesias que nunca lhe entreguei
    É uma pena, garota, se o mundo soubesse
    Que os boatos que te amo são pura verdade.

    AUTOR: HONORATO, Sandro.

    Veja também esses posts relacionados:

    HonoratoParceriasResenha

    Olá,
    Como vão?
    Hoje volto a postar uma resenha para vocês!
    Agradeço mais uma vez a nossa parceira Universo dos Livros pela cortesia 🙂
    Espero que gostem 🙂

    O ARTÍFICE

    SINOPSE
    Em dias de tempestade, um assassino que mata através de armadilhas extremamente elaboradas vem enganando a polícia londrina numa série de crimes inusitados. Haryel Kitten é um detetive inteligente, prático e muito dedicado ao seu trabalho, que agora tem o desafio de desvendar o que há por trás desse mistério.
    Mas será que há forças sobrenaturais agindo? Detalhes dos crimes permanecem obscuros, o serial killer, apelidado pela mídia de Artífice, faz com que Haryel trilhe um caminho sem volta. Quanto mais ele se aprofunda na investigação, menos compreende o que está acontecendo.
    O detetive fará tudo que estiver ao seu alcance para montar esse quebra-cabeça, mesmo que sua própria vida corra perigo…

    MINHA RESENHA
    A história se desenrola em Londres. Um serial killer frio e calculista que sempre comete seus crimes a noite e em dias de chuva é o vilão perseguido pelos detetives Haryel, seu parceiro Paul e pela policia Londrina.
    Este assassino é um daqueles bem metódicos mesmo, ele não planta uma armadilha mas várias já antevendo os passos que a vitima tomaria tentando escapar da morte. Ele quer ter certeza, ver com os próprios olhos sua vitima agonizando.
    Uma das peças chaves da investigação é um colar bem antigo com um desenho taoísta (Taoísmo é filosofia de vida e uma religião chinesa milenar, na qual o ser humano deve viver em harmonia com a natureza, pois faz parte dela – Google me ajudou nesta)
    Para você entender como e porque o assassino age você vai precisar entender suas razões – ai o taoísmo entra.
    Por causa deste detalhe, um monge – o Mestre Ch`na – entra em cena e é peça importante no desenrolar da história (mesmo ele fazendo pouco caso em ajudar)

    Certos pontos na leitura é meio cansativo, confesso, você lê sobre as mortes acontecendo e a investigação parece estagnada. Mas isso de investigação, mistérios, uma cultura que eu não tinha tanto conhecimento vão se juntando e dando forma.
    E o final em si…. cara, é bem surpreendente. Porém, o assassino para quem for ligando os pontos é descoberto pelo leitor com uma antecedência ( quem leu muito Sherlock Holmes e Agatha como eu adora estes jogos de adivinhar quem matou né?!)

    No geral, indico a obra sim, é uma leitura interessante com 240 páginas, além de ser de um autor nacional (vamos valorizar o que é daqui também!)

    OBS.: Ficou bem resumido esta resenha porque tentei ao máximo não dar spoilers.

    DADOS BIBLIOGRÁFICOS

    Autoria: Tony Ferraz
    ISBN-13: 9788579307133
    ISBN-10: 8579307139
    Ano: 2014
    Páginas: 240
    Idioma: Português
    Editora: Universo dos Livros
    Onde Comprar:
    Submarino
    Amazon

    Veja também esses posts relacionados:

    instagram
    Translate »