• Categorias

  • "Transbordando sentimentos puros em palavras"

    Outros • Poesia

    Preferia

    fevereiro 20, 2016 • Honorato, Sandro

    Olá 🙂
    Venho deixar um texto que comecei em 2011.
    Modifiquei algumas (várias vezes) e espero ter encontrado a melhor versão e mais sincera possível dele.

    Abraços e cuidem-se.

    Preferia
    Preferia ser surdo
    A ter que ouvir
    suas palavras duras
    Preferia até estar
    anestesiado
    Para pular essa
    parte que nos machuca
    Preferia ser cego
    A ter que ver você
    com outro cara
    Preferia ter uma
    amnésia
    Mas o que sinto
    sei que nunca passa
    Preferia sonhar
    mais
    Pois dó demais
    essa realidade
    Preferia até ter
    mentido mais
    Pois me machuca
    saber a verdade
    Preferia não ter
    feitos promessas
    Pois não poderei
    cumprir aqueles juramentos
    Preferia uma pedra
    no lugar do coração
    Para não chorar
    neste momento
    Preferia ter
    desistido antes
    Pois continuar só
    me trouxe decepção
    Preferia ter
    criado asas
    Pois hoje me
    encontro perto demais do chão
    Preferia voltar
    atrás e fazer tudo diferente
    Mas não controlo o
    tempo
    Preferia fingir
    ser forte por fora
    Mas não adiante se
    estou fraco por dentro
    Preferia te dar um
    beijo de despedida
    Mas os meus lábios
    se tornaram amargos
    Preferia não ter
    nos conhecido
    Para não sofrer
    por ter te amado.
    AUTOR:
    HONORATO, Sandro.

    Veja também esses posts relacionados:

    Comente com o Facebook

    Deixe seu comentário

    4 Comentários

  • Gabrielle Roveda
    26 fev 2016

    Que profundo! Adorei o poema!
    Ah, eu precisava falar disso: nunca, jamais pense em trocar o cabeçalho do seu blog. Cada vez que entro aqui e dou de cara com a Kanade Tachibana de Angel Beats morro de amores! Melhor anime! ♥

  • Isaac Angles
    23 fev 2016

    ótimo poema. Parabéns!

  • Isaac Angles
    23 fev 2016

    ótimo poema. Parabéns!

  • Poly
    22 fev 2016

    Hey!
    Sempre intenso nos seus textos 🙂
    Este me lembrou dos poemas que eu escrevia quando era adolescente.
    Bjuxxxxx

  • instagram
    Translate »