• Categorias

  • "Transbordando sentimentos puros em palavras"

    HonoratoResenha

    Olá,
    Como vão?
    Hoje vou postar a primeira resenha deste ano.
    Agradeço a nossa parceira Companhia das Letras por ceder o livro 🙂
    Abraços e tenham uma excelente semana
    OBS.: Foto de capa totalmente ilustrativa para incentivar você a ler o livro e porque não também a assistir  “Donnie Darko” 🙂

    “O CAÇADOR”

    Sinopse:
    O detetive Joona Linna passou dois anos em uma prisão de segurança máxima quando recebeu uma inesperada visita. A polícia precisa de sua ajuda para deter um misterioso assassino: o chamam de O Caçador de Coelhos, pois a única conexão entre suas vítimas é que ouvem uma canção de ninar sobre coelhos antes de morrer. Joona agora tem a chance de sair da prisão para, com a policial Saga Bauer, tentar desvendar quem é esse misterioso caçador e salvar seus próximos alvos. Mas o que aparentemente parece ter motivações terroristas se transforma em um dos casos mais complexos de sua carreira.

    Minha resenha
    Em “O Caçador” somos apresentados logo de cara a um assassinato brutal de uma figura importante do governo Sueco.
    A frieza, treinamento e planejamento militar empregados pelo assassino fazem a Policia de Segurança, especializada em terrorismo tratarem o mesmo como tal e para apaziguar as coisas, o governo divulga para a imprensa que esta figura morreu de uma doença.
    Mas uma testemunha misteriosa é encontrada viva na cena do crime e Saga Bauer a interrogando consegue tirar dela um último diálogo entre o assassino e o falecido.
    Sem ter muitas ideias do que pode investigar a mesma solicita ao alto escalão do governo a ajuda de Joona Linna, o melhor detetive que a Suécia tem e que cumpre prisão há dois anos.

    A princípio, Joona também trabalha com a ideia de ser terrorismo – o que meio que deixa o livro paradão até pouco antes da metade.
    Mas a medida que novos assassinatos vão ocorrendo e as peças sendo encaixadas como a ligação entre estas pessoas a trama vai ficando interessante (muito interessante!).
    Outro personagem que tem destaque no livro se chama Rex, um reconhecido Chef de cozinha que tem problemas com seu filho e é um viciado em bebidas.

    Como um bom livro policial, o livro tem início, meio e fim bem definidos. Gosto também que é dividido em capítulos bem curtinhos narrando as ações de diversos personagens inclusive na perspectiva do assassino no fim do livro.
    Aliás, o livro vai dando pistas sobre o assassino durante boa parte da trama. Quando descobrimos a real motivação do “Caçador  de Coelhos” confesso que meio que torci para que ele terminasse sua vingança (eu sei que muitas pessoas também vão torcer para ele em algum momento)

    O livro traz alguns gatilhos de temas bem pesados como estupro, uso de drogas, fetiches sexuais e mortes bem detalhadas.

    Este é o terceiro livro de uma série e seus antecessores são “O Homem de areia” e “Stalker”. Se eu li os anteriores? Não. Se eu precisava ler? Também penso que não, pois o foco em si fica nesta investigação e não trazendo memórias de outras.

    Gostaria de profundar mais sobre o livro mas estragaria várias surpresas que vão se desenrolando durante a narrativa e evito ao máximo os spoilers.
    Se você gosta de livros com este tema, “O Caçador” é um prato cheio a ser devorado (e devidamente lido)

    Sobre o livro
    Editora: Alfaguara; 1ª edição (18 setembro 2020)
    Idioma: Português
    Páginas: 528
    ISBN-10: 8556520952
    ISBN-13: 978-8556520951
    Formato: 15.00 X 23.40 cm
    Peso: 0.761 kg

    Sobre o autor
    LARS KEPLER é o pseudônimo do casal sueco, aclamado pela crítica, Alexandra Coelho Ahndoril e Alexander Ahndoril. Os Ahndoril eram escritores estabelecidos antes de adotarem o pseudônimo Lars Kepler, e cada um publicou vários romances de sucesso. Eles moram em Estocolmo, na Suécia.

    Onde comprar:
    COMPANHIA DAS LETRAS
    AMAZON
    SUBMARINO

    Veja também esses posts relacionados:

    HonoratoPoesia

    Anormal

    fevereiro 08, 2021
    HonoratoPoesia

    No dia que ela te deixou

    fevereiro 01, 2021
    HonoratoPoesia

    Dolor

    janeiro 18, 2021
    HonoratoPoesia

    Não mereço

    janeiro 11, 2021
    1 2 3 4 5 131
    instagram
    Translate »