• Categorias

  • "Transbordando sentimentos puros em palavras"

    Categoria: Outros Autores

    OutrosOutros AutoresTextos

    Boa tarde!

    Às mães de todo Brasil
    Ofereço o brilho de um cometa
    Para tal beleza comparar
    Sem jamais pestanejar
    Por Deus abençoada
    Por Maria imaculada
    De seu ventre surge a vida
    Mãe tu és consagrada.Algumas mães são carinhosas e outras são repreensivas, mas isto é amor do mesmo modo, e a maioria das mães beija e repreende ao mesmo tempo. 

    O amor de mãe por seu filho é diferente de qualquer outra coisa no mundo. Ele não obedece lei ou piedade, ele ousa todas as coisas e extermina sem remorso tudo o que ficar em seu caminho.

    Um homem quer a seu amor mais que a ninguém, a sua esposa melhor que a ninguém, mas a sua mãe mais tempo que a ninguém.

    Você sempre será uma criança enquanto tiver uma mãe a quem recorrer. 
      
    Ela não abandona jamais. Não há desgosto capaz de afastá-la da sua cria. Que força. Que poder. Que coragem.

    Veja também esses posts relacionados:

    OutrosOutros AutoresTextos

    For you

    setembro 24, 2014 • Honorato, Sandro

    { Leia ao som de – My Sacrifice }


    “Gostar de alguém é função do coração, mas esquecer, não. É tarefa da nossa cabecinha, que aliás é nossa em termos: tem alguma coisa lá dentro que age por conta própria, sem dar satisfação. Quem dera um esforço de conscientização resolvesse o assunto: não gosto mais dele, não quero mais saber daquele prepotente, desapareça, um, dois e já! “

    Por: Martha Medeiros 

    Hoje eu acordei de um sonho turbulento, nele eu via você, meu grande amor se afastando de mim, se tornando cada vez mais invisível. Acordei num pulo, e como você já deve imaginar eu estava muito assustada já que a sensação da perda é muito dura e desconfortável.  Mas ai eu lembrei, você não esta mais aqui, não somos mais um casal feliz como fomos um dia, nada mais é justificável. Então devo me contentar a viver de saudade, lembranças me atormentado nesses dias que se arrastam.
    Me permita te dizer algumas poucas palavras que resume exatamente o que eu sinto por você.
    Lembra quando andávamos de mãos dadas no parque? –  tola lembrança, eu sei, mas foi assim que você me cativou bem aos pouquinhos, na simplicidade dos nossos dias – E quando você me apresentou aos seus pais dizendo que você já havia encontrado a mulher da sua vida, nossa, como eu fiquei radiante naquele dia. 

    Eu nunca esqueci nenhum desses momentos, pois foram eles o motivo da minha alegria, a força dos meus dias, eu estava sendo correspondida. Foram nesses momentos em que eu me libertei dos meus medos e tantos outro clichês. Te agradeço por isso! Porque em cada um desses momentos existia você, tudo se tornava possível para nós, um casal a beira da felicidade em plena harmonia de espírito. Reciprocidade resumia nossa cumplicidade

    Foram essas coisas, aparentemente simples, mas que tornava tudo mais fácil pra mim, porque você fazia parte da minha história.  Eu sempre quis crer que seria você o co-autor da minha história … 

    Sei que não é fácil recordar e não sentir saudade, mas também não é fácil permanecer no escuro, longe de quem se ama a mercê da solidão. 

    Sinto sua falta, não nego, mas também aprendi a viver um dia de cada vez.

    Por mais que eu tente, ainda lembro, me emociono, me despedaço tentando buscar a uma única explicação cabível que justifique a falta que você me faz.
    Mas nesse caminho eu não posso parar por isso tento seguir minha jornada sem sua presença,  percebo que ainda é possível enxergar um horizonte ao fim dessa minha jornada solitária. É como disse o poeta: “Agora, o remédio é partir discretamente, sem palavras, sem lágrimas, sem gestos. De que servem lamentos e protestos, contra o destino?” 

    Eu apenas precisava te dizer em palavras o que as minhas atitudes não conseguem transmitir, busco viver um dia de cada vez – longe de você – não está sendo fácil, mas não será impossível também, afinal o que mais pode ficar de um bom relacionamento se não as coisas positivas que tiramos dele? eu aprendi muito com você, entre todos os aprendizados  um deles foi a ter ainda mais força diante das dificuldades impostas pela vida, você sempre me dizia para não desistir de nada mesmo se o mundo tentar a todo custo me derrubar, você dizia que eu precisava ser forte e não parar, e assim todos os meus sonhos seria possível – você estava certo, mas faltou me ensinar a te esquecer -. 

    Resolvi prosseguir com algumas lembranças na bagagem e com um coração cheio e saudadeporque o sol sempre nasce no outro dia,  assim você me dizia.

    Ah! se eu pudesse voltar no tempo, mudaria tantas coisas, não desistiria de você. Mas pensando bem, você também desistiu de nos. Então só me resta acreditar que um dia a vida ira nos reencontrar trazendo momentos ainda melhores: flores pelo caminho, um amor pra além da vida. 
    Eu acredito  que a vida está apenas rabiscando o rascunho da nossa trajetória até aqui, para depois nos unir com ainda mais força, amadurecimento e coragem . Seremos mais sentimento, mais razão,mais equilíbrio tornando a nossa história uma inspiração. 

    Veja também esses posts relacionados:

    OutrosOutros AutoresTextos

    {Leia ao som de – Happy}

    Os tipos de amigos que já cruzaram o seu caminho… ; )
    “O verdadeiro amigo será a eterna ponte capaz de nos levar para os melhores lugares  nos fazendo perceber que a bendita da felicidade habita logo ali.”
    Revirando o passado, me recordo de quando meus amigos me diziam “não desiste agora menina, você está tão perto de chegar”. E não é que eles tinham razão? Veja só aonde eu cheguei (mais do que um dia imaginei chegar). Ah, os amigos, quase sempre eles tem razão, preveem nosso futuro, nos ajudam a escrever nossa história e ainda nos enchem de orgulho. E nessa minha jornada conheci diversos tipos deles, desde o brincalhão até o mais melancólico. A cada descoberta percebi que os amigos se tornam únicos pela sua singularidade e personalidade. São esses detalhes que fizeram deles grandes amigos que ao longo da minha vida me mostraram o caminho e me ajudaram a direcionar a minha vida. Nunca fui de muitos amigos, sempre fui muito exigente nas minhas escolhas, e logico que não seria diferente na escolha de quem andaria comigo, porque os amigos também dizem muito de quem somos é como diz aquela frase: “me diz com quem tu andas que eu te direi quem tu és”. Sigo isso a risca, então isso resume bem o restrito numero de amigos que colecionei durante toda minha jornada ate aqui. Porque quantidade jamais será comparada a qualidade.
    Pensando nisso, resolvi fazer uma pequena seleção de “tipos de amigos” que com certeza todo munda já teve ou tem no seu dia a dia. Vamos conhecer quem são eles?    
    Cultivando amigos sinceros: amigo é raridade, e quem tem tá rico, são poucos os privilegiados que têm a sorte de ter essa preciosidade chamada amigo. Mas quando se acha deve-se cuidar para jamais perder. Semeia que cresce!
    Fidelidade de Amigo: ele não desistira de você facilmente, não importa a condição que você se encontra, o amigo fiel permanecerá ali, como um talismã. Ele jamais julgará suas escolhas. Ele só te falará a verdade para não te ver chorar no futuro.
    Tem o Amigo …
    Topa tudo: ele te acompanha em todos os happy hour, mas ele  também faz questão de estar com você naquele velho banco da praça onde vocês brincavam na infância recordando os velhos tempos. Não importa o lugar, o amigo de todas as horas estará sempre por perto relembrando momentos do passado, presente e planejando o futuro. Ele se fara presente em qualquer ocasião da sua vida. Esse é o legitimo amigo “topa tudo”.
    Tem Aquele Que …
    Faz parte da sua família: esse é aquele que você chama de irmão, ele sempre está disposto a te dá uma palavra amiga e faz de tudo pra não te ver chorar, sempre tem as melhores piadas, o único objetivo dele é te ver sorrir. Ele jamais fica olhando o relógio, afinal quando vocês se encontram cada minuto é infindável pra ele. Esse é o amigo “Conte sempre comigo”.
    Melancolia em pessoa: por acaso todo mundo já teve ou tem um amigo/amiga que chora por tudo, melancólico que nem ele não tem, mas é com ele que aprendemos a valorizar as coisas mais bobas da vida, como por exemplo, um dos amigos precisa mudar de escola ou de classe, pronto, isso já é motivo pra chorona cair no berreiro e ficar toda melancólica com a situação. E apesar disso ela se torna única entre a roda de amigos, afinal quem não quer consolar ou tirar um sarro da melancolia constante do melindroso. Mas convenhamos, ele se destaca pela sua personalidade e singularidade, é a “mãezona e o paizão” da turma, não é mesmo? Enfim todo mundo tem um amigo “chorão/chorona”.
    São personalidades diversas, são momentos únicos, são pessoas fazendo parte da vida de outras pessoas, são os amigos, poucos porem os melhores que torna nossa vida uma festa. Porque é isso que dá todo sentido a vida, seja pessoal, familiar ou profissional, ter um amigo para compartilhar os momentos e gozar da vida.
    Não importa em qual dessas personalidades o seu amigo/amiga se encaixa, porque em qualquer uma delas ele será bem vindo. E sempre que você precisar de um ombro amigo pra chorar, alguém paciente pra te ouvir, dois braços pra te abraçar bem apertado, lembre-se, o tal do amigo estará sempre por perto só para te dizer  “amigo, eu sempre estarei com você. Sempre”.
    Gostou desse texto? Então comenta aí e compartilha com seus amigos ; )

    Beijos e até a próxima! 

    Veja também esses posts relacionados:

    OutrosOutros AutoresTextos

    { Leia ao som de – People Help The People }

    Sentada a beira mar, ela conversava com seu amigo imaginário sobre os tempos “modernos”.

    Sabe, têm umas coisas que não entram na
    minha cabeça, tá eu sei, antes que você me julgue, eu não sou uma pessoa fácil
    de lidar, mas também não sou obrigada a aceitar tudo que o mundo dita ser o
    “legal ou o que está na moda” pra mim, eu que faço meu próprio estilo, e deixa
    o mundo me julgar. De qualquer forma seremos julgados pelas escolhas que
    fazemos. 

    Um dia minha mãe me disse: “filha, seja feliz, jamais permita que
    tirem aquilo que você tem de melhor, seja seu caráter seja suas escolhas, não
    importa, apenas não desista do seu objetivo principal. Ser feliz com as suas
    escolhas 
    ”.

    Eu não sou o tipo de pessoa que
    necessita de curtidas em fotos nas redes sociais simplesmente para me sentir
    especial, querida, ou aceita em um determinado “grupo”. Posso me admirar
    todos os dias, quando acordo e digo pra mim mesma o quanto sou especial e o
    quanto eu me amo, e isso basta para haver sentido na vida.  
    Sou do tipo que se conquista com
    palavras, mas palavras ditas olhando nos olhos, sabe. Nada melhor do que ler a sinceridade
    da pessoa através do seu olhar.

    Dou outro lado da tela (computador) fica fácil ser enganada, além de não ter o
    mesmo encanto das palavras dita pessoalmente. Sou das antigas mesmo.

    Pode ate estranho falar assim mas parece que o tempo levou consigo muitas
    coisas, dentre elas o amor entre as pessoas. Agora é tudo tão pratico, rápido e
    fugaz, basta uma teclada e pronto, tudo resolvido. Eu curto olho no olho!

    Sou do tipo que ama ouvir segredos ao pé do ouvido, adoro tomar um
    sorvete com amigos em um final de semana qualquer. Curto amigos pertinho de
    mim!
    Sou uma pessoa em extinção em um mundo de “quem comanda é
    que tem o maior numero de amigos no facebook ou está entre os tops do
    twitter”
    . Eu curto ser diferente! ; ^)
    Talvez eu esteja pagando o maior mico
    do ano, falando com um amigo imaginário e supostamente verbalizando coisas
    aparentemente são bobas e sem sentido algum para as pessoas “práticas” do “novo
    tempo”.
    Mas quer saber  a real, tem horas que penso que vou acabar sozinha em meio
    aos meus pensamentos.

    Afinal de contas as pessoas não têm mais tempo para cuidar de seus lares ou
    admirar seus parceiros, simplesmente porque estão rotuladas e obcecadas a uma
    moda, talvez passageira – bem que eu queria que fosse – que provavelmente não
    as levaram a lugar algum que não seja “era uma vez uma família” “era uma vez
    minha vida social”, “era uma vez fotos revelas” “era uma vez orar com meus
    filhos” “era uma vez Eu Te Amo” “era uma vez pipoca e pracinha” ”era uma
    vez…” A conclusão a que chego é que as pessoas estão cada vez mais fechadas
    em seus casulos, solitárias em meio às teclas de um aparelho tecnológico,
    navegando, ou seria afundando no mundo virtual? (…)

    Estamos vivendo em um cenário desconhecido se envolvendo com pessoas até
    estranhas, e tudo isso pra quê? Pra competir quem tem o maior numero de
    seguidores e views? Fala sério, vejamos nossos conceitos de família, amigos e
    amor. Você até pode continuar com seu espaço virtual só não pode esquecer que
    atrás de você existe uma família e amigos que precisam do seu carinho, do seu
    olhar, e você deles. Eu curto estar perto de quem eu amo! Curto muuuuito.
    Sabe amigo, eu percebi que a felicidade
    está onde as pessoas que eu amo estão, e que ela também se faz de momentos, mas
    momentos precisam ser especiais e marcante composto de amor e amizade, de calor
    humano, entende. Eu curto momentos especiais ao lado de pessoas
    especiais! 
    É meu amigo, as coisas não estão nada
    fáceis por aqui, as pessoas andam tão estranhas, e eu estou me sentindo cada
    vez mais em uma bolha daquelas bem pequenas que passa despercebida.
    Pensar que eu só queria alguém mais
    perto pra conversar, abraçar e ouvir dizer olhando em meus olhos tudo que eu
    preciso saber. Sinto saudade daquele tempo …  

    Veja também esses posts relacionados:

    OutrosOutros AutoresTextos

    Desatando o nó

    julho 30, 2014 • Honorato, Sandro

    {Leia ao som de – I Can’t Make You Love Me }

    Sabe menina…
    Eu esperei tempo demais só pra te dizer que por mais distante que você esteja eu ainda posso sentir aquela batida em meu peito, aquela mesma batida de quando eu te vi pela primeira vez. Só você tem esse poder sobre mim.
    Sabe querida, às vezes eu me pergunto se pode existir alguém que ocupe o seu lugar, pois só nós dois sabemos a intensidade da nossa história – ou pelo menos eu espero que você se recorde – . E por mais que eu tente, ainda é impossível te esquecer (quem sabe até ao final desse texto eu consiga).
    Lembro-me de quando você dizia está apaixonada pelo que eu representava pra você, dos momentos juntos, os passeios no meio da semana, do brigadeiro de panela (você adorava), das brincadeiras despretensiosas enfim de tudo que um dia passamos juntos. Não nego, sinto saudade, mas também admito que esse tempo longe de você me fez enxergar coisas que antes eu não via, como quando desfrutávamos das coisas simples da vida. Você não pode imaginar o quanto me faz falta ter alguém para dividir esses momentos. É talvez você não imagine.
    Agora eu entendo porque você me pedia um pouco mais de atenção, agora eu sei o que a falta de alguém pode causar, eu sei, agora eu sei o quanto isso dói. Se eu pudesse te fazer entender que mesmo com meus erros, eu ainda sou capaz de ser melhor simplesmente por amar você, e que nada esta perdido – eu ainda estou aqui – sempre estarei disposto a mudar por você quantas vezes eu conseguir. Só não posso viver uma vida quando ela não tem você. Porque se tem uma coisa que eu aprendi vivendo longe de você é que eu nunca deixei de te querer. Só te peço uma coisa: volta pra mim, me faz o homem mais feliz de todo o universo¿ me trás o sorriso perdido, o outono a primavera, me trás o amor de volta, é só me deixar fazer parte da sua vida nada nunca será como antes, porque eu te farei a mulher mais feliz de todo universo.
    Já tive que engolir muitos sapos, aceitar todo tipo de gente na minha vida, e tudo bem. Já renunciei por amor, e tudo bem. Já sorrir pra não discutir, e tudo bem. Já fiz bilhões de coisas (que eu não queria), e tudo bem, afinal, nem sempre iremos acertar e nem sempre irão NOS aceitar, mas sabe de uma coisa, eu acreditei em você, acreditei mesmo achei que você se diferenciava das outras pessoas, e olha só, para minha grata surpresa, eu estava certo. Mas pensando bem, olha pra mim, veja a situação que me encontro, e tudo isso por não fazer mais parte da sua vida, tudo isso por um único erro, será que tudo isso está me fazendo bem¿



    Pensei e repensei, cheguei a uma conclusão, a melhor maneira de seguir a adiante é me distanciando de você, eu sei, pode parecer absurdo, mas é chegou a hora de dizer adeus a minha menina. Pois é exatamente como a Martha Medeiros dizia que “despedir-se de um amor é despedir-se de si mesmo. É o arremate de uma história que terminou, externamente, sem nossa concordância, mas que precisa também sair de dentro da gente.” 
    Então agora já posso desatar esse nó da minha vida. Seja feliz minha menina que eu vou tentar ser. 

    Veja também esses posts relacionados:

    OutrosOutros AutoresTextos

    DIMINUIR AS “DOSES” DE HENTAI?


    Estudo mostra que pornografia pode prejudicar o cérebro

    Assistir pornografia pode diminuir partes do cérebro que estão relacionadas à recompensa e à motivação, é o que concluiu um estudo alemão que descobriu que os homens que recorrem frequentemente a esse tipo de conteúdo tendem a ser mais preguiçosos. Estes resultados fornecem a primeira ligação direta entre a pornografia e a falta de motivação seguida de estímulos sexuais.
    Para conduzir o estudo, os pesquisadores do Instituto Max Planck Para o Desenvolvimento Humano, em Berlim, na Alemanha, recrutaram 64 homens saudáveis de 21 a 45 anos e fizeram perguntas sobre seus hábitos com relação à pornografia. Também foram capturadas imagens dos cérebros dos homens para medir o volume e analisar como eles reagiam às imagens de conteúdo adulto.

    “Descobrimos que o volume do striatum – uma região do cérebro que tem sido associada ao processamento de recompensas e à motivação era menor conforme mais pornografia os participantes afirmavam consumir. Além disso, descobrimos que outra região do cérebro, que também faz parte do striatum e é ativada quando as pessoas veem estímulos sexuais, mostrou menor ativação quanto mais pornografia os participantes consumiam”, explica a pesquisadora Dr. Simone Kühn.
    Ainda, os pesquisadores descobriram que a conexão entre o striatum e o córtex pré-frontal – que é a camada mais externa do cérebro que está associada ao comportamento e à tomada de decisões – piorava com o aumento do tempo em contato com pornografia.

    Embora os cientistas tenham divulgado essas descobertas, os resultados encontrados até o momento não permitem afirmam com certeza se o consumo de pornografia é a explicação para a diminuição do cérebro e, por consequência, se esse hábito é realmente prejudicial à saúde.
    Ainda não está claro, por exemplo, se assistir conteúdo adulto leva às mudanças no cérebro ou se as pessoas que nascem com tais alterações cerebrais é que estão mais propensas a buscar esse tipo de material.
    O Dr. Gregory Tau, da Universidade Columbia, em Nova York, não está envolvido na pesquisa, mas acredita que é importante desenvolver mais estudos nessa área. “Tudo vai fazer mal em excesso e provavelmente não é terrível em moderação. É possível que existam pessoas com um certo tipo de cérebro que sejam mais suscetíveis a esse comportamento. Ou é possível que seja o uso excessivo da pornografia que esteja se perpetuando e causando esses danos. Ou pode ser ambos”, concluiu o pesquisador.

    Fontes: boainformação.com.br e exame.com

    Bem, esse estudo como tantos outros que hora ou outra surgem por aí, é altamente duvidoso vislumbra-se numa clara tentativa de fazer dos seres humanos idiotas manipuláveis para acreditarem não importa no quê… e como sempre (leia-se depois do advento do cristianismo no Ocidente) relacionando o sexo, a sexualidade à algo sujo, perigoso, degenerado

    Tudo demais faz mal. Até água, isso não é nenhum segredo.

    Daniel Lima

    Veja também esses posts relacionados:

    1 2 3 4 15
    instagram
    Translate »