• Categorias

  • "Transbordando sentimentos puros em palavras"

    HonoratoPoesia

    Contrastes

    dezembro 08, 2018 • Honorato, Sandro

    Olá,
    Como vão?
    O poema de hoje foi criado em janeiro de 2017 e fala sobre aquele amor onde ambos não tem muito em comum mas mesmo assim arriscam, sabem?
    Abraços e boa semana a todos.

    CONTRASTES

    Eu, ouço rap e rock
    Ela, seu MPB não descarta
    Eu, faço o tipo caseiro
    Ela, noites de festa, bebida e baladas

    Eu, cabelo crespo e encaracolado
    Ela, cabelos negros e lisos
    Eu, sonho em viajar pelo mundo
    Ela, quer casa e ter filhos

    Eu, olhos escuros como a escuridão
    Ela, um olhar claro como a luz do dia
    Eu, risadas altas ao vento
    Ela, esbanja mais simpatia ainda

    Eu, metido a poeta
    Ela, é pura poesia
    Eu, sou um mero Valente
    Ela, a maior das Rainhas

    Eu, a amava como nunca amei
    Ela, me via como um amigo
    Eu, agora não sei o que fazer com este Amor
    Enquanto Ela, fará de outros braços seu abrigo.

    AUTOR: HONORATO, Sandro.

     

    Veja também esses posts relacionados:

    Comente com o Facebook

    Deixe seu comentário

    1 Comentário

  • Gabriela Soares
    12 dez 2018

    Meu Deus, tô passando por uma situação exatamente assim! Mas se parar pra pensar, é até bonito quando se arrisca mesmo com tantas diferenças, né? Amei o poema!

    um beijão,
    gabs | likegabs.blogspot.com ❥

  • instagram
    Translate »