Blogger Widgets

Alforria.

Alforria.

Não me pergunte se está tudo bem. Sabemos que a resposta vem sendo "não".
Está sendo mais difícil do que imaginei, sabe?
Escrever sempre foi tão fácil mas, você me tira as palavras da boca e agora do papel.
EU SEI que tu vai ler!
Você sempre lê o que escrevo e nem um "obrigado" tenho recebido. Provavelmente irei ler um "hum" teu.
Lembro-me quando você me dilacerou e falou que gostava de outro alguém. Você esqueceu né?
Quem bate sempre esquece e quem apanha sempre lembra. E sempre lembrarei de você, meu bem.
Lembrarei das noites batendo papo até um dos lados cederem o sono. Vou lembrar da última vez que te vi pessoalmente e quando te abracei não sabia se ia soltar. Sempre lembrarei das músicas que cantamos um pro outro via áudios no whatsapp. Mas nós sabemos, podíamos ter feito uma melodia melhor para este final. Odeio marcha fúnebre.

Queria que não fosse assim. Queria te dizer cara a cara. Mas a vida te levou para outro estado e o meu estado hoje é de calamidade pública. Respiro por aparelhos com este sentimento que sabemos que um tem pelo outro mas nenhum dos dois quer admitir. Quer merda de orgulho besta é este ein?

Eu nunca havia dito a você, mas eu te Amo.
Daria o meu calor para te aquecer no frio que ai faz.
Daria minhas poesias para que seus dias fossem sempre iluminados.
Daria meu sorriso para nunca mais te ver chorar.
Daria meu restante de vida para viveres bem.
Eu daria isso tudo mas estou simplesmente lhe dando meu último texto de amor sobre nós.

Eu tenho prendido sua alma neste recipiente que eu chamo de coração e não tenho deixado você bater asas para o lar que tanto lhe merece. Outro alguém lhe espera e não é este aqui que brinca com poesia.
Amar é isso, estar preso a um sentimento mas querer que seu amor seja livre ao mesmo tempo.
Por isso, receba a sua carta de alforria agora. Vá em busca dos teus sonhos. Vá beijar a boca que tanto anseia. Vá abraçar os braços que te aguardam. Vá ser os versos na vida de um verdadeiro poeta.
01:12

12.06.217


HONORATO, Sandro.

3 Pensamentos:

  1. Oi Sandro,
    Que texto bonito.
    Acho que além de tudo, temos que preservar o pensamento de que o outro um dia vai criar asas. E que fiquem somente as boas lembranças.

    tenha uma ótima semana =D
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  2. Cara... é muito complicado deixar um amor tão grande ir, né? A gente espera tanto por alguém que, quando finalmente acontece, é difícil de deixar ir, mas é necessário. E no fim das contas, deixar o seu amor livre, é um dos atos mais lindos de amor que existem, não é? Adorei o texto!
    Um beijão,
    Gabs | likegabs.blogspot.com ❥

    ResponderExcluir
  3. Que texto bonito, você escreve muito bem, adorei ler cada palavra.
    Beijos boa semana
    http://bellapagina.blogspot.com.br

    ResponderExcluir