Blogger Widgets

Café amargo

Café amargo

  Hoje eu tentei escrever sobre você sem chorar e encharquei umas três folhas com minhas lágrimas e não sei fechar esta maldita torneira em meus olhos.
Descobri que gostar muito de alguém a ponto de estar realmente apaixonado ao menos uma vez na vida não significa que aquela pessoa vai sentir o mesmo. Ao contrário me aconteceu.
Quanto mais eu me apaixono por você menos você gosta de mim. Quanto mais eu me aproximo mais distante ficamos. Quanto mais eu tento curar as feridas no seu peito maior fica o buraco em minha alma.
  Mas eu sei onde errei.
  Ausentei-me quando você precisava de companhia de corpo presente e não este cara aqui via whatsapp ou te ligando enchendo o saco.
Você desejava um tempo para pôr a sua vida em ordem, mas eu cheguei de “voadora” destruindo tudo que estava em seus planos.
Você merecia um cara ousado que lhe conquistasse dia-após-dia e não eu, enrolado, tímido, palhaço e quantos adjetivos bestas forem necessários para me descrever.
Dei-lhe poesias num mundo nada romântico quando você precisava de um Amor igual aqueles que escrevo.

  Por isso, venho por meio deste texto pedir perdão por tudo que fiz a ti de ruim.
De bom, peço que guarde na sua memória e neste coração lindo que você tem porque também lhe prometo que não desistirei de você.
Não desistirei de provar os teus lábios, ou de fazer dos teus braços meu cobertor nas noites gélidas, ou do seu sorriso na cama me desejando um “bom dia” sem precisar falar uma palavra sequer.
  Não desistirei tão fácil de ter um espaço maior na prateleira do seu coração e na sua vida.
  Não vou cansar até adoçar o café que deixei passar do ponto e amargou.

23.12.2016



AUTOR: HONORATO, Sandro.

1 Pensamentos:

  1. Honorato!
    Delícia de café...

    “Desejo a você e à sua família um Natal de Luz! Abençoado e repleto de alegrias. Boas Festas!” (Priscilla Rodighiero)
    cheirinhos
    Rudy
    http://rudynalva-alegriadevivereamaroquebom.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir