Blogger Widgets

O Preto Entrevista...

Olá :)
Como vão?
Hoje vou postar uma entrevista que fiz com Marcelo Sill,vocalista da  Banda L-20 que é daqui do meu estado *-*
Agradeço a ele e a banda pela oportunidade >.<
Espero que curtam.
Abraços

O Preto Entrevista- Banda L-20

 Para começar: Porque o nome L-20?
Quando formamos a banda, nossa intenção era ter um nome que fosse possível exportar o nossa admiração pelo Estado, então chegamos na localização geográfica, a latitude 20, então L-20

Conte-nos sobre a banda, como surgiu a idéias, os  integrantes,como vocês se conheceram....
Eu, Marcelo Sill (Vocalista) e Marcos Souza, (Guitarrista) nos conhecemos há uns 12 anos, quando fui fazer um som em uma banda em que Marcos tocava, na época eu tocava teclado, instrumento de formação musical, trocamos contatos e cada um partiu para lados opostos, alguns anos depois conheci Dell Oliveira(Baixista) por indicação de Marcos, desta vez em outra banda, viajamos muito por todo o Estado e fora também, mas o estilo musical que batia mais forte em nossas veias não era o que tocávamos, a idéia foi amadurecendo e começamos a fazer algumas reuniões regadas de boas idéias e as melodias e harmonias das músicas foram se moldando pois Marcos já tinha todas as letras prontas, algum tempo depois estávamos no estúdio gravando um disco demo, mesmo sem ter um baterista para o projeto, enviamos a música “Um minuto” para a organização do Pan Music Festival para tocar no Festival de Alegre, e para nossa surpresa a canção foi selecionada numa disputa de mais de 1000 inscrições, este seria nosso 1º show com a L-20, meu irmão Jackson entrou como baterista da banda, mas algum tempo depois sofreu um acidente e foi impossibilitado de tocar, embora hoje esteja tudo bem com ele, na ocasião ficamos a procura de um novo baterista, então eis que surge Victor Rocha, que já era meu amigo de outras bandas. Esta formação é a base da banda atualmente.

Como é ter uma banda? Mudou muito a vida de vocês, a convivência ...?
Fazer o que gosta,ter um trabalho divertido e ainda receber por isso, é quase uma utopia, mas com a música isso tudo é possível, é claro que muitos sacrifícios e dedicação que a profissão necessita, a convivência e totalmente tranqüila e por incrível que pareça somos uma banda de Rock que não briga....

Como é a produção das músicas?
A maioria das letras são do Marcos e os arranjos, todos nós participamos, temos uma abertura muito democrática como filosofia. Quando surge uma idéia passamos para todos e propomos alguns ensaios para produção.

E no começo, quais foram os principais problemas que a banda enfrentou?
O que fez para superar, digamos assim?
Todo começo é complicado, mas podemos dizer que alteramos a ordem do produto para ter resultado nos fatores, gravamos um CD antes de termos a banda completa, e nosso 1º show foi em grande festival, mas mesmo assim o desafio é diário, o reconhecimento é conquistado com muito trabalho.

Conte-nos sobre o projeto atual, os shows que estão fazendo, a receptividade do publico é o que esperavam?
Atualmente temos uma grande estrutura de sonorização, palco e iluminação digital e com todo este amparo estamos fazendo nossos próprios eventos por todo o Estado, também está previsto alguns projetos de cultura e mais um vídeo clip.

Você tem algum projeto paralelo?
Dell Oliveira e Victor Rocha fazem alguns freelas quando dá tempo, mas eu e Marcos Souza não, além de nossas atividades musicais temos compromissos administrativos e marketing da banda.

Uma música que não pode faltar no show de você e por quê?
“Solange” é uma delas, por ser uma música um tanto polêmica, mas “Planos” também é outra, mesmo porque no 1º mês que a música foi divulgada foram contabilizadas mais de 17.000 participações de ouvintes, segundo dados da rádio Cidade FM.

Você tem alguma mania antes ou depois de estarem no palco?
Sim, sempre fazemos uma oração e agradecemos por tudo, depois é comemorar.

Uma banda/cantor que lhe inspirou e o que vocês acham que se assemelham com ela/ele?
Bom, embora não tenhamos desentendimentos, temos referencias diferentes, o Marcos curte muito Rock nacional da década de 80, Dell já tem um pé com Iron Maiden, Victor tem vertentes mais contemporâneas tipo Coldplay, Charlie Brown... Eu sou muito eclético, mas tenho atualmente uma referencia, Rosa de Saron. Juntamos tudo isso e canalizamos pro nosso som.   

O que você acha do cenário da música capixaba atualmente?
Cite os pontos positivos e negativos.
Tem muita gente boa no cenário e isso é muito bom no ponto de vista cultural, acho que o negativo é que nem todo mundo pensa da mesma forma, até mesmo as próprias bandas, temos que ter um movimento onde todas as bandas toquem uma a música das outras...

Um conselho a quem quer começar uma banda.
Estude música, procure capacitação técnica, se você passar bem por isso percebera com outros olhos se é isso mesmo que quer, e se tem talento.

Um recado a quem acompanhou a entrevista.
Agradeço a todos que curtem e conhecem nosso som e pra quem ainda não tinha conhecimento da banda Capixaba, entrem em nossas redes sociais e saiba um pouco mais sobre a banda.

CONTATOS:

Sei que já postei essa música por aqui mas pra quem ainda não conhece....

10 Pensamentos:

  1. Oi Sandro
    Que máximo essa entrevista não conhecia a banda ainda bem bacana
    Tenha um ótimo final de semana

    beijos

    http://jhdocemel.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Nossa, parabéns pela entrevista! Deve ter sido uma emoção!
    Aaaah, e eu bem queria ir em um evento sobre animes!E eu quero ver as fotos, posta logo o post sobre isso, Sandro!kkkkkkkkkkkkk Ultimamente, não ando assistindo nada (na verdade, estou assistindo quatro, mas parei tudo para estudar pro "simulado".) Conhece Natsume Yuujinchou? É o meu queridinho, sou apaixonada por esse anime, estou assistindo bem, beeem devagar pq já to na ultima temporada e não quero acabar ...

    Bjn*

    ResponderExcluir
  3. Parabèns pela entrevista, muito boa ;)
    http://muitomaisquemoda.blogspot.it/

    ResponderExcluir
  4. Bacana a entrevista, n conhecia o som dos caras,vou ver algumas músicas deles aqui

    ResponderExcluir
  5. A entrevista ficou muito legal! Não conhecia a banda. :)

    Um beijo, Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  6. Ai, que massa! Deu vontade de ter uma banda também! Bacana o som deles!

    Beijos, Sandro!!

    ResponderExcluir
  7. Sandrooo!!

    Sonho ter uma banda de rock e ganhar por isso kkkkk Pow, eles nem brigão kkk Massa! Mas depois de tanto tempo, os cara merecem tudo dando certo. Sem contar que o som deles é bom.

    Pra vc que nunca leu um mangá completo, Basilisk é uma boa pedida. É pequeno, só tem 5 volumes. (SUSSURRO: E cá entre nós, tem alguns peitos as vezes kkkkkkk)

    É claro que eu num vo contar com qual cosplay eu vou, se não estraga a surpresa. Mas pode deixar que eu to conseguindo descolar um cosplay massa pro evento. Bem, eu acho pelo menos kkkkkkk Mas vc vai ter as Maids pra vc se divertir hohoho'

    Beijos ;*

    ResponderExcluir
  8. Véi, eu ando sumida, eu sei. To endoidando. Sem tempo para atualizar mimimi'
    Enfim, eu já ouvi falar da banda, e acho que foi por aqui, é bem legal *o*


    *Vitamina de Pimenta*

    ResponderExcluir
  9. Não conhecia a banda, gostei do som deles.
    Como tem banda no ES (e boa!) O_O
    Pena que a maioria não é muito divulgada :/
    Boa semana!Bjuxxxx

    ResponderExcluir
  10. Galera vejam as novidades da banda pelo www.l20.com.br

    ResponderExcluir