• Categorias

  • "Transbordando sentimentos puros em palavras"

    Posts arquivados em: Mês: outubro 2011

    OutrosSamyle S.Textos

    Aprendi com você!

    outubro 02, 2011 • Honorato, Sandro
    Oi, sou Samyle do blog Dear Diary Sucker e vim postar mais um dos meus textos aqui! Espero que gostem e me visitem!

    Se é errando que se aprende, então eu aprendi com você, pois nunca alguém me deixou tão pra baixo, um ser tão cruel que é indeciso e egoísta. Só me serviu de lição que não se deve se meter com quem brinca com os sentimentos dos outros.
    Faz tanto tempo que não me apaixono de verdade, parece que meu cérebro instalou sem a minha autorização um novo sistema imunológico contra paixôes, balizado de anti-sofrimento/anti-depressivo ou apenas não surgiu alguém ainda, é estranho me ver fazendo o “papel de você” na peça da vida, agora faço quastão de ter um time reserva de meninos, fazendo se apaixonarem e depois largando-os, mas eles gostam da minha beleza e não o que tenho “por dentro”, mas isso não é desculpa pra o que faço mesmo sem pensar. Estou aprendendo a ser egoísta e só pensar em mim, mas eu não quero isso, você me influenciou sem perceber, antes eu admirava você, era capaz de mudar por você e na verdade eu mudei por você, agora estou em uma fase de adaptação do meu novo status: “desinteressada”, um periodo de procura do meu verdadeiro “eu” que está em algum lugar dentro de mim.
    Aprendi com você o que era amor, o que é sofrer por amor, aprendi com você a ter esperanças em um amanhã que tinha certeza que não chegaria, aprendi graças a você quem são os meus verdadeiros amigos, aqueles que me aguentavam por horas falando, chorando sobre o mesmo assunto “você”.
    E foi com você que aprendi a amadurescer e a crescer e agradaço por ter sido você que me fez aprender tudo isso, e essa lição vou levar para o resto da minha vida, agora eu sei como é me erguer do zero, levantar a cabeça e manter meu orgulho…

    Veja também esses posts relacionados:

    HonoratoPoesia

    Always

    outubro 19, 2011 • Honorato, Sandro

    Olá e ai como vão?
    Esse poema é bem romântico (digamos que alguém anda me inspirando)
    Fiz ela ouvindo Bon Jovi que tem o mesmo nome.
    E agora ,falando nisso,dia deste vou colocar essa música qui por que é perfeita e me faz lembrar Ela.

    Abraços galera e tudo de bom

    Always

    Sempre que precisar de um amigo
    Estarei aqui de braços abertos
    Sempre que se sentir só
    Estarei aqui por perto
    Sempre que você tiver obstáculos
    Estarei aqui pra tirar as pedras do caminho
    Sempre que precisar desabafar
    Estarei aqui te ouvindo
    Sempre que você chorar
    Estarei enxugando tuas lágrimas
    Sempre que estiver triste
    Saiba que a dor um dia passa
    Sempre que você estiver na escuridão
    Estarei aqui pra lhe mostrar a luz
    Sempre que se sentir perdida
    Serei o guia que te conduz
    Sempre que você cair
    Estarei aqui pra te tirar do chão
    Sempre que você precisar de um amor
    Meu coração está a tua disposição
    AUTOR: HONORATO, Sandro.

    Veja também esses posts relacionados:

    HonoratoOutros AutoresPoesia

    Nossa Amizade

    outubro 17, 2011 • Honorato, Sandro
    Olá e ai como vão?

    Este é mais um texto que fiz em parceria com minha amiga Kamila dona do blog: http://suinguken.blogspot.com/

    Vai lá gente super recomendo 🙂
    O post de hoje é pra homenagear uma amiga que temos em comum : Tsu *-*
    Po posso falar que depois que conheci as duas fiquei mais apaixonado por animes,mangás,colegiais…. kkkk
    Hoje é o  niver dela e talz,então desde já meu(nosso) presente
    Tsu,não se se você sabe mas idolatro você assim como a Deusa Amy Lee  *-*
    E como diria Kamila:”Quando eu crescer quero ser como você” kkkkk

    Abraços a todos  e tenham uma excelente semana >.<

     

    Nossa Amizade
    Nossa amizade é como um dia
    Às vezes está nublado
    Às vezes vão chover desavenças
    Mas sempre teremos dias ensolarados
    Nossa amizade é como as flores
    Que devem ser regadas todos os dias
    E que já nos dão frutos
    Como amor, respeito e alegria
    Nossa amizade é como uma música
    Estamos sempre procurando a melhor batida
    Sempre procurando a melhor afinação
    Mas no fim, juntos somos uma perfeita melodia
    Nossa amizade é como o rio que encontra o mar
    Duas águas diferentes a se misturar
    Mas que não deixam de ser água
    Que ajuda a enfrentar qualquer dor, qualquer mágoa
    Nossa amizade é como uma exploração
    Que nós nunca sabemos o que haverá dentro da caverna
    Assim desvendamos os mistérios do coração
    Para que cada vez mais a aventura seja eterna
    Nossa amizade é como uma chuva de verão
    Algo que vai acontecer e ao mesmo tempo é imprevisível
    E mesmo com os nossos altos e baixos
    Nós amamos ser seus amigos.
    AUTORIA: Kamila Bicalho & HONORATO, Sandro.

     

     

    Veja também esses posts relacionados:

    MúsicaOutros

    My playlist #7

    outubro 14, 2011 • Honorato, Sandro

    Olá e ai como vão?
    Continuando com a lista das músicas que me marcaram não podia deixar de colocar o som destes caras…
    Muitas meninas só gostam destes caras porque “os acham bonitos” (brincadeira KKKKKKK)
    Bom,no começo eu tinha preconceito e não ouvia o som dos caras,mas fui vendo as traduções das músicas e talz e acabei gostando.
    Por que amo as músicas dos caras? pois são em músicas e letras como esta que vou postar que me faz lembrar Dela….

    Abraços galera e espero que gostem 🙂

    Backstreet Boys – Don’t Wanna Lose You Now (Não Quero Te Perder Agora)
    I never thought that I would lose my mind
    Eu nunca achei que fosse perder o controle
    That I could control this
    Ou que pudesse controlar isso
    Never thought that I’d be left behind
    Nunca pensei que seria deixado pra trás
    That I was stronger than you, baby
    Que eu era mais forte que você, baby
    Girl if only I knew what I’ve done
    Garota, se eu apenas soubesse o que aconteceu
    You know, so why don’t you tell me
    Você sabe, então porque não me diz?
    And I, I would bring down the moon and the sun
    E eu, eu traria a lua e o sol
    To show how much I care
    Pra te mostrar o quanto eu me preocupo
    REFRÃO
    Don’t wanna lose you now
    Não quero te perder agora
    Baby, I know we can win this
    Baby, eu sei que podemos reviver isso
    Don’t wanna lose you now
    Não quero te perder agora
    No no, or ever again
    Não não, nunca mais
    I’ve got this feeling you’re not gonna stay
    Eu tenho o sentimento que você não vai ficar
    It’s burning within me
    Isso queima dentro de mim
    The fear of losing
    O medo de perder
    Of slipping away
    De sumir
    It just keeps getting closer, baby
    Apenas fica mais perto, baby
    Whatever reason to leave that I’ve had
    Qualquer razão que eu tive pra deixar
    My place was always beside you
    O meu lugar, que sempre foi do teu lado
    And I wish that I didn’t need you so bad
    E eu queria não precisar tanto de ti
    Your face just won’t go away
    Seu rosto é apenas o que eu vejo
    REFRÃO
    Don’t wanna lose you now
    Não quero te perder agora
    Baby, I know we can win this
    Baby, eu sei que podemos reviver isso
    Don’t wanna lose you now
    Não quero te perder agora
    No no, or ever again
    Não não, nunca mais
    I never thought that I would lose my mind
    Eu nunca achei que fosse perder o controle
    That I could control this
    Ou que pudesse controlar isso
    Never thought that I’d be left behind
    Nunca pensei que seria deixado pra trás
    That I was stronger than you, baby
    Que eu era mais forte que você, baby
    Don’t want to lose to loneliness
    Não quero perder para a solidão
    Girl I know we can win
    Garota, eu sei que podemos reviver isso
    Don’t want to lose to emptiness, oh no
    Não quero perder para o vazio, Oh não
    Never again
    Nunca mais
    Don’t wanna lose you now
    Não quero te perder agora
    Baby, I know we can win this
    Baby, eu sei que podemos reviver isso
    Don’t wanna lose you now
    Não quero te perder agora
    No no, or ever again
    Não não, nunca mais

    Veja também esses posts relacionados:

    OutrosPoesia

    Angel Beats!

    outubro 12, 2011 • Honorato, Sandro

    Olá e ai como vão?
    Bom,já falei desse anime pra vocês né galera?
    Bom,tenho que dizer que também fiquei inspirado e fiz alguns textos.
    Esse texto é como se fosse um dos personagens (chamado Otonashi) resumindo a história
    Espero que gostem porque é uma espécie de resumo mas só quem viu  vai entender de verdade 🙁
    Dedico o post as minhas amigas Tsu , Thalita Oliveira, Sora-Chan e a Kamila Bicalho.
    Abraços galera

    Angel Beats!
    No primeiro dia  após minha “morte”
    Parecia que eu estava sem sorte
    Meu peito por um “Anjo” foi perfurado
    No começo tudo já estava dando errado
    Ah sim, sem contar as minhas lembranças
    Eu nem lembrava de nada, nem da minha infância
    A Yuri, me convidou a se unir a alguns alunos
    Que lutavam contra “Deus” e um  “Anjo” naquele mundo
    O mesmo “Anjo” que perfurou o meu peito
    Um “Anjo” que todos tinham medo
    Um “Anjo” diferente e  que a gente deveria encarar
    Um “Anjo” que a sua vida podia selar….
    Com o passar do tempo ela parecia minha
    inimiga
    Intensas lutas travamos todos os dias
    Eu estava cansado e me perguntando:
    “Porque estamos lutando contra esse Anjo?”
    Os dias foram passando
    E as coisas também mudando
    Eu estava do lado errado no campo de
    batalha?
    Será que aquele “Anjo” era malvada?
    Até que um dia ela veio falar comigo
    Eu fiquei com medo a principio
    Mas aqueles belos olhos me confortaram
    E me diziam pra ficar calmo
    Não foi fácil
    Mas eu a convenci a vir pro nosso lado
    O nosso grupo no começo não tinha aceitado
    Será que eu é que estava errado?
    Após a nossa última e intensa batalha
    naquele mundo
    Eu descobri a razão daquilo tudo
    Eu descobri que encontrei uma razão pra viver
    E que seu nome era: Tachibana Kanade
    Mas ai veio uma revelação
    Eu não podia ama-la pois ela já era o meu “coração”
    E como o Anjo que ela sempre foi se será
    Voou para o céu mas na minha memória sempre estará.
    AUTOR: HONORATO, Sandro.

    Veja também esses posts relacionados:

    MúsicaOutros

    Dia das Crianças???

    outubro 10, 2011 • Honorato, Sandro

    Olá e ai como vão?
    Vocês sabem que eu curto Rap e talz né?
    Bom,não tinha opção né: Aqui onde eu moro é um subúrbio…ou você ouve Funk ou curte Rap…acho que escolhi o lado bom da música KKKKK
    Como eu digo,se eu não for Administrador de empresas,vou virar Rapper *—*

    Enfim…
    Esta semana se “comemora” o Dia das Crianças.
    Teóricamente deveria né,  mas a realidade no Brasil não é essa…
    Escolhi uma música meio “forte” pra ilustrar a realidade de várias crianças este país…a música se chama “12 de Outubro” e quem canta é o “Facção Central

    Facção Central -12 de Outubro

    Cadê o meu presente, o meu abraço?
    A bicicleta que eu sonhei não vem com o laço.
    Não tem bolo, nem alegria.
    É dia das crianças, mas não pra periferia.
    Queria fugir daqui, é impossível,
    Eu não queria ver lágrimas, é difícil.
    Meus exemplos de vitória estão todos na esquina,
    De Tempra, de Golf, vendendo cocaína.
    Bem melhores que minha mãe no pé da cruz
    Pedindo comida, um milagre pra Jesus
    Antes dos doze eu vou estar com o oitão,
    Matando alguém, sem compaixão.
    Vou ver o filho, a mulher, chorando no corpo.
    Vou dar risada, vou dar mais uns quatro no morto.
    Eu vou brincar de assassino descarregando um 38.
    Legal a cara explodindo, voando um olho.
    Hoje é dia das crianças, e daí?
    Quem vê sangue não tem motivo pra sorrir.
    Não existe presente na caixa com fita.
    Só moleque morrendo na mesa de cirurgia.

    (2X) Hoje é dia das crianças, e daí?
    Quem vê sangue não tem motivo pra sorrir.
    Não existe presente, alegria.
    Nem dia das crianças na periferia.

    Não dá pra ser criança comendo lixo,
    Enrolado num cobertor sujo e fedido.
    É ”dá esmola pelo amor de Deus” um dia.
    No outro ”é assalto! Não reage vadia!”
    O que eu vou ser quando crescer?
    Quer dizer, se eu crescer, se eu não morrer.
    Um assaltante de banco, um assassino,
    Descarregando minha pt no seu filho.
    Eu vou fazer um rolê e buscar meu presente :
    Uma vítima, anel de ouro, corrente.
    Vou mostrar minha pureza,
    Eu vou matar um cuzão por uma carteira.

    Feliz dia das crianças, é 12 de outubro.
    Põe um brinquedo, em cima do meu túmulo.
    Quem brinca com revólver não conhece a alegria.
    Não tem dia das crianças na periferia.

    (2X)Hoje é dia das crianças, e daí?
    Quem vê sangue não tem motivo pra sorrir.
    Não existe presente, alegria.
    Nem dia das crianças na periferia.

    Posto de saúde, Paz, Grajaú.
    Feliz 12 de outubro, zona sul.
    Desrespeitam um médico ausente.
    O filho do nordestino aqui não é gente.
    Depois querem formatura e alegria.
    Mas que se foda se eu tô com meningite, pneumonia.
    O Brasil não me respeita, quer me ver morrer,
    Quer um preso a mais,
    Por quê que eu fui nascer?
    Pra não ter um carrinho, um danone,
    Ou tráfico uma droga, ou morro de fome.
    Se eu não meter uma faca nas suas costas,
    A minha chance é 100% de acabar nessa bosta.
    Pra ter um brinquedo, só com latrocínio.
    Se não for jogador de futebol vou ser bandido.
    Queria ter um video-game, como eu queria.
    Mas não tem dia das crianças na periferia

    (4X)Hoje é dia das crianças, e daí?
    Quem vê sangue não tem motivo pra sorrir.
    Não existe presente, alegria.
    Nem dia das crianças na periferia.

    Ӄ mano,
    Queria um video-game.
    E de presente, eu ganhei um cano.
    Não tem dia das crianças na periferia.

    Veja também esses posts relacionados:

    1 2 3
    instagram
    Translate »